Investigação

Uma equipa de investigadores da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, conduziu um estudo, o maior realizado até ao momento, que relaciona a diabetes com as emissões de dióxido de carbono (CO2). De acordo com investigação, 14% dos casos de diabetes registados no mundo em 2016 estavam relacionados com partículas poluentes na atmosfera.

Um estudo feito com 26 médicos de 16 centros de saúde da Europa, Israel e América do Sul demonstrou que os profissionais fornecem diferentes recomendações de dose de insulina para doentes com diabetes tipo 1 que usam sistema de infusão contínua de insulina (bomba de insulina).

Uma equipa de investigadores da Universidade Autónoma de Barcelona (UAB) encontrou um tratamento eficaz para a obesidade e a diabetes tipo 2 em ratos através de uma terapia genética. O estudo foi publicado no decorrer da semana passada, a 9 de julho, na revista EMBO Molecular Medicine.

Pág. 5 de 19

PUB

Planning

Endo Planning

Newsletter

Receba a nossa newsletter.

APOIOS:
.......................

merckA Menarini Diagnostics CERT