terça, 08 maio 2018 17:43

Investigadores portugueses publicam artigo em revista internacional sobre panorama da diabetes no país

Um grupo de investigadores portugueses publicou, no passado mês de abril, um artigo no jornal oficial da International Diabetes Federation, o Diabetes Research and Clinical Practice, intitulado “Prevalence, awareness, treatment and control of diabetes in Portugal: Results from the first National Health examination Survey (INSEF 2015)”.

Liderado pela Prof.ª Doutora Marta Barreto, do Departamento de Epidemiologia do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, o estudo analisou a população residente em Portugal com idades compreendidas entre os 25 e os 74 anos, em 2015, procedendo à medição da hemoglobina glicada (HbA1c) dessa população, a um exame físico e a uma entrevista geral de saúde de uma amostra probabilística de 4911 indivíduos.

Na amostra estudada, a prevalência global de diabetes foi de 9,9%, sendo superior no sexo masculino do que no sexo feminino (12,1% vs 7,8%). A diabetes foi mais prevalente entre os indivíduos de baixa escolaridade e sem atividade profissional. A maioria das pessoas com diabetes estava ciente da sua condição (87,1%) e estava a tomar medicação antidiabética (79,7%). Destes, 63,2% apresentavam níveis de hemoglobina glicada abaixo de 7,0% (53 mmol/mol), mas a maioria não cumpria as metas clínicas recomendadas de LDL e pressão arterial (71,9% e 59,0%). Da mesma forma, a prevalência de pré-diabetes foi de 16%, maior entre mulheres do que homens (17,5% vs 14,4%).

Desta forma, os investigadores concluíram que a prevalência de diabetes e pré-diabetes em Portugal permanece acima das estimativas globais e europeias, embora haja uma crescente consciencialização sobre a doença.

Consulte aqui o artigo completo. 

PUB

Planning

Endo Planning

Newsletter

Receba a nossa newsletter.

APOIOS:
.......................

merckA Menarini Diagnostics CERT